Tudo o que você precisa saber sobre a 1ª Semana Brasileira de Moda — Moda Sem Crise
06 • setembro • 2017

Tudo o que você precisa saber sobre a 1ª Semana Brasileira de Moda


#AGENDA – Um evento para sacudir a Moda brasileira. É o que propõe o Instituto Brasileiro de Moda (IBModa) que entre os dias 25 e 29 de setembro, promove em São Paulo, a 1ª Semana Brasileira de Moda. O evento é resultado de uma agenda que soma ao ponto de partida da iniciativa, o 5º Congresso Internacional de Negócios de Moda (CINM), o Fashion Films Festival (FFF), o Pitch Star US e a Feira Join Makers – realizada em parceria com o site Moda Sem Crise.

“O CINM começou em 2011 e ele está dentro da esfera do IBModa e desde o início sempre esteve focado na questão acadêmica e de produção de conhecimento. A gente sempre acreditou na prática de que todo e qualquer tipo de programa de educação tem que estar alinhado com a questão do mercado. Por isso o congresso conta com uma série de palestras, que são mesas formada por pesquisadores, marcas, empreendedores e gestores, com o interesse de promover o debate com quem entende do assunto. A moda cresceu muito nos últimos tempos mas, às vezes, se distancia do que o precisa ou de como que é o mercado. Então, um dos objetivos do CINM é essa aproximação”, explica Luciane Robic, diretora de Marketing do IBModa.

tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-a-1a-semana-brasileira-de-moda

O diretor executivo do IBModa, André Robic, durante o 4º CINM, em 2016 – Foto Facebook/IBModa

As duas primeiras edições do CINM tiveram como endereço a cidade do Rio de Janeiro (RJ). E depois o evento nos anos de 2015 e 2016 foi realizado em Porto, em Portugal, país com o qual o IBModa tem uma relação bastante próxima. De volta ao Brasil, o congresso dessa vez tem como cenário a Capital paulista. E está sendo promovido pelo instituto em parceria com os cursos de Têxtil e Moda e de Marketing da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP), no campus da Zona Leste – local que abriga o evento nos dias 26, 27 e 28 de setembro.

A ideia de realizar um evento ainda maior e chamá-lo de 1ª Semana Brasileira de Moda surgiu após incorporar ao planejamento do CINM o Fashion Films Festival. E se consolidou com a possibilidade de colocar em prática a Feira Join Makers, dedicada a negócios pautados por sustentabilidade, inovação e criatividade.

“Somos ousados e com tanta coisa, a gente decidiu criar a 1ª Semana Brasileira de Moda. Na segunda, dia 25, a gente está trazendo o 1º Fashion Films Festival. Esse é um festival de filmes publicitários focado em moda. O objetivo de difundir o mundo da moda a partir do ponto de vista da publicidade. E é interessante porque o FFF acontece em muitos lugares, como Berlim [Alemanha], Barcelona [Espanha], Porto [Portugal], Nova York [Estados Unidos], então o festival de Porto está nos apadrinhando. Eles já vinham dizendo que tínhamos trazer o evento para o Brasil. Então decidimos fazer este ano”, diz Luciane.

O FFF acontece na noite do dia 25, no Unibes Cultural. Na ocasião serão apresentados os vencedores inscritos nas categorias de: Filmes do Autor; Filmes de Marcas; Filmes de Têxteis Técnicos; Filmes do Estudante; Filmes de Moda Internacionais. Além da escolha da comissão julgadora, o FFF conta com apoio do voto popular. Também está prevista a realização de um bate-papo com o figurinista e docente do programa de Têxtil e Moda da USP, Fausto Viana e a cineasta e docente do programa de Artes Visuais da USP, Giselle Gubernikoff.

De Rejane Herzer, o filme fashion “Depression” está entre as produções inscritas. Proposto para a revista AnOther feito para a disciplina de Produção de Moda da Universidade Feevale, localizada em Novo Hamburgo (RS), com a temática da depressão, a obra concorre na categoria “Filme de Estudante. Outros filmes estão também à disposição para a exibição no site da 1ª SBModa.

No dia seguinte, 26 de setembro, o evento segue para a EACH | USP Leste. Durante três dias estudantes, profissionais e interessados terão a chance de acompanhar os painéis: “GPS – Onde estamos? Para onde vamos?”; “Formas e Volumes – Pensando fora da caixa”; e “Farmácia – Remédio para você, seu negócio, sua empresa”.

“Para o primeiro dia do CINM está vindo o Paulo Vaz, presidente da Associação Têxtil do Vestuário de Portugal. O que é bastante significativo, porque Portugal se refez das chamas e eles têm um posicionamento muito interessante no sentido de tecnologia. Desde 2014 há um plano estratégico estabelecido para países da Europa para o setor têxtil com metas a serem alcançadas até 2020. E em setembro do ano passado Portugal já tinha batido todas essas metas. Claro que é um país moderno, mas conseguiram se posicionar pela moda de uma forma bem qualificada”, diz Luciane que menciona outros nomes também de tamanho destaque.

tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-a-1a-semana-brasileira-de-moda

“As palestras contam com nomes de referência acadêmica e mercado e estão divididas por essas três temáticas. GPS é bem isso, onde nós estamos e para onde vamos com a moda. Formas e volumes é também uma importante questão dentro do congresso, e a gente traz não só marcas conhecidas, mainstream, a gente traz muita marca nova e essa pessoa chega com um outro olhar, principalmente, neste dia. E farmácia focado nos negócios. E estamos na quinta edição. E sabemos que existem outros congressos, mas nenhum, até mundialmente a gente procurou antes de compor esse projeto, nenhum outro congresso tem o foco de business”, afirma Luciane que explica ainda que as palestras acontecem no período da manhã.

À tarde, após as palestras, o CINM abre espaço para a apresentação dos trabalhos acadêmicos e a uma outra programação que envolve mesas de debates sobre diferentes temas.

Terça-feira (26), acontecem os talks: Gênero e Moda, com a participação do estilista criador da D-Aura, Lucas Menezes, a docente do Programa de Têxtil e Moda da USP, Suzana Avelar, a professora de Modelagem do Vestuário na ETEC Carlos de Campos, Maíra Arcoverde. Para discutir Pluralidade X Padrão Estético participam as estilistas Aline Vito e Giovanna Pitombo e a consultora de estilo, pesquisadora de tendências e idealizadora da Clamarroca Plus, Mariana Camargo. E para a mesa sobre Tendência e apropriação cultural são esperadas Lúcia Udemezue, Cientista social, produtora e arte-educadora do coletivo Manifesto Crespo e Cynthia Mariah, Coordenadora de estudos e pesquisas da Associação Nacional de Moda Afro-brasileira (ANAMAB).

Para o dia 27, além da apresentação dos trabalhos científicos, para o período da tarde está sendo preparada a Oficina: Mão na massa do Desguarda Roupa, com Bruna Castro e Nádia Mello.

tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-a-1a-semana-brasileira-de-moda

À esq.: Formada em Direito, Mariana Camargo trocou a carreira como advogada para se dedicar a sua marca Clamarroca Plus. A empreendedora estará entre os convidados da fase de talks do CINM – Foto: Facebook/ClamarrocaPlus. À dir.: A jornalista de moda Nádia Mello, diretora de comunicação do Desguarda e a designer de moda Bruna Castro, diretora criativa de Desguarda. Juntas elas realizam oficina no segundo dia do evento. Foto: Coletivo Matto

E no último dia de congresso (28), estão programados os talks sobre “Responsabilidade Socioambiental na Moda” com Natasha Lopes, sócia-fundadora do PanoSocial e Marina Colerato, fundadora do Modefica. E “Moda e Tecnologia”, com a sócia-fundadora da Kraft, Mariana Marcílio.

Pitch Start US da Moda + Feira Join Makers

Depois de uma jornada de três dias de imersão em temas relacionados ao futuro da moda, a 1ª Semana Brasileira de Moda abre espaço para que empreendedores de moda possam expor, apresentar e realizar negócios. O evento tem início às 10h da manhã com o Pitch Star Us, segue depois das 13h com a Feira Join Makers e acontece no Quintal 1620, no Sumaré, em total clima de descontração.

André Robic, diretor executivo do Instituto Brasileiro de Moda (IBModa), explica que a moda é um dos principais setores econômicos no Brasil e no mundo e passa por um momento de significativas transformações: onde tecnologia, sustentabilidade, comércio eletrônico, indústria 4.0 e informações digitais, entre outros fatores, vêm mudando e irão mudar profundamente toda a estrutura do setor. Para o empresário, é hora de modelar negócios inovadores e aproveitar as oportunidades que o setor oferece.

Pensando nisso, o IBModa realiza o 1º Pitch Start Us. Com o objetivo de convidar empresas e empreendedores no setor da moda com potencial de crescimento e que possam ser incubadas para apresentação de seus produtos e modelos de negócios inovadores e que levem em conta o impacto social, ambiental, cultural e econômico. O pitch de moda irá selecionar dois projetos e premiá-los com a inscrição no programa Espyral, da incubadora Habits e mentoria do IBModa de 32 horas.

Já a partir das 13h, também no Quintal 1620, o IBModa promove em parceria com o Moda Sem Crise a Feira Join Makers. Dedicada ao empreendedorismo de moda sustentável, inovador e criativo, o evento vai reunir marcas autorais que queiram mostrar e colocar à venda seus trabalhos e brechós interessados em expor e vender peças de seus acervos. O objetivo é fomentar a economia criativa e o consumo consciente.

“A parceria entre o IBModa e o Moda Sem Crise surgiu durante um curso promovido pelo IBModa com o Lab Fashion. Participei de todos os módulos e não foram raras as vezes em que a conversa com os colegas, agora também parceiros, colocou em debate a importância de nos reunirmos em para a realização de uma feira e sobre abrirmos espaço para que outras marcas fossem também apoiadas pelo projeto. O Moda carrega no DNA no interesse pela promoção de novos talentos e negócios criativos de moda. Fazer parte dessa agenda, realizar essa feira é um desafio, mas também uma oportunidade incrível para colocarmos muito em prática aquilo que pautamos na plataforma”, diz Marcela Fonseca, jornalista fundadora e diretora geral do site.

Ainda segundo Marcela, a Join Makers acontece no Quintal 1620 não por acaso. O local é um espaço bastante democrático e muito bem localizado (Avenida Dr. Arnaldo, número 1620, ao lado da Estação Sumaré do Metrô. “O Quintal faz jus ao nome, com árvores, piscina e um maravilhoso galpão. Lá funciona um coworking e o local abriga uma loja colaborativa de artigos de moda, arte, decoração, além de contar com um restaurante de comidinhas e bebidas orgânicas. Um cardápio que além de saboroso tem preços acessíveis. Achamos a escolha perfeita para um evento que tem como mote a sustentabilidade, inovação e a criatividade de talentos brasileiros.”

Além dos expositores, o evento que se estende até às 21h acontece em ritmo de happy hour. “Estamos preparando algo realmente lindo, com música ao vivo, com oficinas de criação de acessórios com a Rude, marca da designer de acessórios Clarissa Rosas, e oficina de calçados com a artesã de sapatos Monique Brasil da Rabbleshoes. Só digo uma coisa, estamos trabalhando com amor para fazer deste um grande dia”, completa a jornalista.

Serviço:

1ª Semana Brasileira de Moda

De 25 a 29 de setembro

Informações: Semana Brasileira de Moda

Fashion Films Festival São Paulo

Dia 25, a partir das 19h

Unibes Cultural – Rua Oscar Freire, 2.500 – Sumaré

Para convidados| Não há taxa para inscrição dos filmes

Para inscrever filme ou assistir aos filmes já inscritos e votar acesse: FFF

5º Congresso Internacional de Negócios de Moda

Dias 26, 27 e 28 de setembro, a partir das 19h30

Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo (EACH|USP Leste) – Rua Arlindo Béttio, 1000 – Jardim Keralux, São Paulo – SP

Valor do investimento: R$ 590 ingresso integral; R$ 400 para professor e alunos de escolas parceiras; R$ 215 ouvintes por dia; Alunos e professores da USP estão isentos da inscrição.

Informações e inscrições – confira no site as condições de inscrição: CINM

Pitch Star US + Feira Join Makers

Dia 29, Pitch – a partir das 10h | Join Markers – a partir das 13h

Quintal 1620 – Avenida Dr. Arnaldo 1620 – Entrada gratuita

Informações para interessados em participar do Pitch Start US

Não há taxa de inscrição

Informações e inscrições para interessados em expor na Join Makers

Valor do investimento para as marcas selecionadas é de R$ 80.

____

Curtiu este conteúdo? Quer ver mais? Siga o Moda Sem Crise no Facebook. Basta clicar no link cor de rosa, curtir a fanpage, seguir, interagir, e pronto, você  ficará por dentro de todas as novidades e publicações. Te esperamos!




Comente pelo Facebook

Ou comente por aqui:

• Instagram •

Follow @modasemcrise

Moda Sem Crise • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Logotipo por Marina Takeda • Desenvolvido por Responsivo por

Newsletter

Receba no seu e-mail as atualizações do Moda Sem Crise! É só assinar aqui: