Arquivos Dentro do armário — Moda Sem Crise
16 • agosto • 2017

The Street Store: Vale do Anhangabaú, em SP, vira loja a céu aberto para atender população em situação de rua


MODA – O Vale do Anhangabaú, no Centro de São Paulo, neste sábado, 19 de agosto – Dia Nacional da Luta da População em Situação de Rua -, entre 10h e 16h, será ocupado pelo movimento internacional The Street Store – A Loja de Rua, em tradução livre. A ideia que surgiu na África do Sul volta a Capital paulista, cuja estimativa da população nesta lamentável situação avança para o número de 25 mil pessoas. O evento que nesta edição tem a iniciativa dos estudantes Alexandre Del Rei Macedo e Bianca Mena já conta com a mobilização de 230 voluntários e soma em arrecadação – até o fechamento deste conteúdo – quatro mil peças de roupas e 200 kits de higiene pessoal. As arrecadações seguem até o dia 18. A expectativa do grupo é tornar a ação permanente e realizar outras iguais por aqui. Então, se você tem em seu guarda-roupas peças à espera de um novo dono, não perca a oportunidade de atender a esse chamado e contribuir. Continue lendo


16 • junho • 2017

A gordofobia, a adolescência e a moda Plus Size


MODA/COMPORTAMENTO – Você é uma pessoa gordofóbica? O termo gordofobia é relativamente novo – e sequer está incorporado aos dicionários brasileiros, nem mesmo nas versões online. Mas, na prática, não é de hoje que a população do Brasil conhece – e muito bem, seja sofrendo ou manifestando – a definição e significado da palavra gordofobia, que velada ou não, remete ao ódio. A pergunta é, portanto, um convite à reflexão.

Militante feminista e ativista do movimento negro, Júlia Rocha Paulino, aos 17 anos, encontrou justamente na palavra – em sua forma mais ampla – uma maneira de definir e significar a si mesma para lutar contra o preconceito que por anos a feriu e a fez odiar o próprio corpo por causa de seu peso e sua cor. “A poesia surgiu devido ao desejo de amar meu corpo. Desde meus nove anos tento atingir esse padrão imposto. Não queria viver mais em função disso. E hoje vejo o quanto é simplesmente incrível resistir, por meio da poesia, com alma, sabe?.” Continue lendo


16 • maio • 2017

A moda ética e consciente precisa deixar de ser nicho para ser absolutamente normal


NEGÓCIOS DE MODA – “Gosto não se discute”. É o que diz um ditado popular. Mas, o fato é que os adventos tecnológicos – em especial a internet – tornaram essa afirmação um tanto quanto fora de moda. E levando em consideração as constantes transformações pelas quais passam os processos de produzir e, principalmente, consumir moda na contemporaneidade, tão importante quanto o gosto é o que fazer com a liberdade de escolha – questão também, mais do que nunca, colocada em debate.

Para Eloisa Artuso, co-fundadora e consultora da UN Moda Sustentável, esse é um momento ímpar na história recente da indústria da moda que, guiada por demandas de consumidores, precisa definitivamente se posicionar a respeito de valores econômicos, sociais e ambientais. “A moda sustentável está a ponto de deixar de ser nicho para se tornar normal. Ela está a ponto de acontecer. Mas não pode acontecer só para quem é muito engajado. Está na hora da moda sustentável se tornar normal”, disse. Continue lendo


05 • maio • 2017

Ética e transparência no processo de produção: O que o consumidor tem a ver com isso?


NEGÓCIOS DE MODA – Diante do espelho do provador o consumidor só quer saber se a roupa que experimenta lhe cai bem, se o deixa bonito. No entanto, para promover a produção ética e transparente capaz de transformar a indústria da moda, o consumidor não pode se limitar pensar apenas nisso. Usar algo que cai bem é sim importante. Mas questionar as marcas – de grande, médio ou pequeno porte – sobre as condições de trabalho de quem está dentro e fora das oficinas produzindo é fundamental. Para a Gerente de Sustentabilidade do Grupo Malwee, Taise Beduschi mudar essa mentalidade é o grande desafio da indústria que preza por questões socioambientais. Continue lendo


04 • maio • 2017

Negócio Social: Retalhar transforma resíduos têxteis em inovação socioambiental


NEGÓCIOS DE MODA – Uma busca rápida de definição da palavra PROPÓSITO no Google indica que se trata de um substantivo masculino cujos significados são: 1. intenção (de fazer algo); projeto, desígnio; e 2. Aquilo que se busca alcançar; objetivo, finalidade, intuito. Significados que em função do propósito estão ressignificando coisas e valores no mundo contemporâneo. E com isso, o propósito tem colocado em debate e dado vida a diferentes e criativos negócios relacionados ao universo da moda, como é o caso da Retalhar – empresa da Capital paulista, em atividade desde 2014, que aposta no conceito do Negócio Social para transformar resíduos de tecidos descartados em inovação socioambiental evitando esse acúmulos em aterros sanitários. Continue lendo


25 • abril • 2017

Em roupas ou tecidos indicação de fibras têxteis é um direito do consumidor garantido por lei


NEGÓCIOS DE MODA – Quem sonha empreender no Brasil e criar uma marca de roupas precisa estar preparado para os percalços do caminho. Mas, nem mesmo os mais atentos deixam de esbarrar em dificuldades. Taíse Cavasin Dalazen, 30 anos, que o diga. Após largar a carreira de psicóloga para se dedicar a um projeto de moda autoral, mesmo preparada a catarinense – que tem como proposta reutilizar tecidos descartados de grandes indústrias na confecção de suas peças -, se deparou com um enorme problema: a falta de informação sobre a composição química dos resíduos de tecidos destinados ao reaproveitamento.

“Esse tipo de loja que comercializa retalhos não fornece a descrição da composição dos tecidos, informação que preciso para confeccionar as etiquetas. Dessa forma, sinto que minha proposta de confecção responsável vai pro beleléu. Minha cunhada, por exemplo, tem uma pequena confecção e também é entusiasta do slow fashion, mas tem as mesmas dúvidas e dificuldades que eu nesse sentido de como fazer. Pelo que percebo nem as meninas que conheço que cursam moda sabem. É um assunto bastante complexo”, afirma a empreendedora. Continue lendo


17 • abril • 2017

HDA Models: Agência de modelos negros é símbolo de resistência no universo da moda


MODA – Quando Helder Dias deixou sua cidade natal, Alagoinhas, no interior da Bahia, rumo a cidade de São Paulo, no Estado paulista, sequer imaginava o que o destino lhe reservava. Fundador da HDA Models – agência com casting formado 100% por modelos negros – desde 2000, o empresário tem propagado a proposta de valorizar a formosura negra nos segmentos da moda, beleza e publicidade. Em uma manhã de sábado de março, Dias recebeu o Moda Sem Crise para um bate-papo. A agência localizada em Pinheiros, zona oeste, é a única dedicada exclusivamente ao público afro-descendente no Brasil. Durante a entrevista, o afroempreendedor falou sobre os desafios de fomentar a beleza negra em um país ainda repleto de preconceito. Sobre o trabalho social que faz em sua agência e sobre o projeto Aquarela Sustentável. Continue lendo


07 • abril • 2017

Depressão não é frescura. Depressão é doença. E é grave!


SAÚDE – “Você precisa reagir” – Perdi a conta de quantas vezes ouvi essa frase. Não era tão simples quanto parecia. Sabia que havia algo errado. Então, com o apoio de um amigo, decidi me tratar. Procurei um médico especialista. Mas o fato de estar diante de um problema que só um psiquiatra poderia medicar, causava desespero ainda maior.

Escolhia sempre as primeiras horas do expediente para o encontrar. Saia de seu consultório antes mesmo das 8h30 da manhã. E às 10h estava na redação para trabalhar. A ideia era fazer com que absolutamente ninguém soubesse. Em casa a justificativa para sair mais cedo era sempre a urgência de uma pauta. Continue lendo


04 • abril • 2017

Concurso Moda Inclusiva tem inscrições abertas para estudantes e profissionais


MODA – Estão abertas as inscrições para o 9º Concurso Moda Inclusiva 2017 – Edição Internacional. Podem participar estudantes de cursos técnicos, universitários, alunos de cursos livres e profissionais das áreas de Moda e da Saúde, do Brasil e do mundo. As inscrições devem ser feitas pelo site do Concurso Moda Inclusiva, até 15 de junho. O objetivo do concurso é promover um importante debate sobre moda diferenciada e incentivar o surgimento de novas soluções de vestuário para as pessoas com deficiência.

Continue lendo


18 • março • 2017

SPFWn43 termina com debate sobre moda e resistência à indústria tradicional


COMPORTAMENTO – A 43ª edição da São Paulo Fashion Week terminou na noite de ontem. O evento desde o último dia 13 recebeu nomes da indústria da moda brasileira. Ao todo 31 marcas passaram pelas passarelas -dentro e de fora do – Pavilhão da Bienal do Ibirapuera, zona sul da Capital paulista. Com o tema “In-Pactos, a edição Inverno 2017 colocou em pauta os desafios de um mundo em transição, uma delas inclusive bastante relacionada ao consumo. See now, bay now. Veja agora, compre agora. É o que vem propondo o novo modelo de negócio da maior semana de moda da América Latina. Segundo Paulo Borges, diretor criativo e idealizador da SPFW, os desfiles, hoje mais importantes do que nunca, além servirem como canal para propagação de conteúdo e informação, servem  como “ ferramenta de comunicação poderosíssima para gerar desejo e recall imediato da marca”.

Durante o evento, consumidores, influenciadores e profissionais da moda e da imprensa ávidos por novidades, circularam pelo ambiente que incentivou a compra, o descarte e a substituição: ciclo comum desta indústria. No entanto, no último dia da SPFW quem circulou pelo prédio da Bienal foi convidado a pensar e refletir sobre modelos de negócios de produção e consumo de moda e sobre padrões estéticos. Neste caso o incetivo era para: RESISTIR. Continue lendo


• Instagram •

Follow @modasemcrise

Moda Sem Crise • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Logotipo por Marina Takeda • Desenvolvido por Responsivo por

Newsletter

Receba no seu e-mail as atualizações do Moda Sem Crise! É só assinar aqui: